Seu guia de gestão empresarial e financeira
Seu guia de gestão empresarial e financeira
o que é balanced scorecard

O que é o Balanced Scorecard e como aplicar na empresa

5 minutos de leitura

Não é nenhum segredo que, para continuar progredindo, é preciso que as empresas estejam dispostas a correr riscos e promovam mudanças capazes de acompanhar a dinamicidade do mercado. Mas isso, claro, não deve ser feito de qualquer maneira sem que antes seja feito um planejamento bem elaborado em todos os aspectos. É nesse sentido, que entender o que é o balanced scorecard (BSC) e como aplicá-lo na estratégia da sua empresa pode ser um enorme diferencial competitivo

É muito comum que, na correria do cotidiano, as empresas foquem nas atividades de curto prazo e se esqueçam de traçar metas e objetivos para o futuro. Com isso, deixam de desenvolver ações necessárias para que o negócio esteja melhor e mais forte daqui a 5 ou 10 anos.

Para te ajudar nessa tarefa de montar um planejamento, vamos apresentar o conceito de Balanced Scorecard, explicar como esta metodologia ajuda a concretizar a Visão da sua empresa e ensinar como aplicá-la.

Confira!

O que é o Balanced Scorecard?

Balanced Scorecard, também conhecido pelas suas siglas “BSC”, pode ser traduzido como “Indicadores Balanceados de Desempenho”. Trata-se de uma metodologia direcionada para a gestão estratégica das empresas. 

O BSC permite uma visão integrada da companhia, facilitando o entendimento dos gestores acerca dos objetivos da empresa. Além de ajudar na definição de iniciativas estratégicas a serem realizadas e no alinhamento deste plano de ação com metas e indicadores de desempenho

Além disso, essa metodologia é caracterizada por enxergar as estratégias da empresa através de quatro perspectivas diferentes. É exatamente essa visão através de diferentes pontos de vistas que torna o BSC capaz de proporcionar alguns benefícios para a saúde do negócio, tais como:

  • ter uma visão mais clara e definida do futuro;
  • alcançar melhores resultados;
  • colocar em prática os planos de ação;
  • ter uma melhora contínua da qualidade e do desempenho;
  • monitorar, medir e direcionar melhor as ações;
  • incentivar comunicação e o feedback entre gestores e equipe;
  • promover ajustes e correções nas ações;
  • alinhar os indicadores com os objetivos estratégicos;
  • estimular a cultura de aprendizado;
  • melhorar a cultura organizacional.

Veja abaixo como funciona cada uma das perspectivas que formam o Balanced Scorecard.

As 4 perspectivas do BSC

Esta metodologia pressupõe que guiar as decisões da empresa apenas por indicadores financeiros já não é mais o suficiente para mantê-la competitiva e inovadora por muito tempo no mercado.

Ela propõe, portanto, analisar, junto à perspectiva econômica e financeira, outros três indicadores: processos internos, aprendizado e crescimento.

Veja a seguir um pequeno resumo de cada uma das quatro perspectivas do BSC:

Perspectiva Financeira

Relacionada à lucratividade e o retorno financeiro da empresa. Este cenário envolve os objetivos estratégicos para os próximos 5 ou 10 anos, considerando o que a gestão precisa desenvolver para alcançar o retorno financeiro esperado pelos acionistas e também apontando soluções para o crescimento da empresa.

Não existe um caminho único para obter nesse retorno financeiro. Ele pode ser, por exemplo: obter um retorno de 20% sobre o capital investido ou estabilizar o fluxo de caixa diminuindo o tempo de fechamento. Cada companhia irá decidir qual estratégia adotar.

Perspectiva de Clientes

Esse ponto é centrado no cliente, alvo de todos os esforços da empresa. Aqui, são traçados objetivos estratégicos para garantir que a empresa não só se mantenha no mercado como aumente a carteira de clientes.

Essa perspectiva é importante pois faz com que a companhia observe com mais determinação o ambiente externo, com foco no cliente. E tome providências para garantir que o produto ou serviço resolva, de fato o problema que aflige o consumidor.

Perspectiva de processos internos

Visa identificar os processos internos que são mais críticos e têm mais impacto na empresa, geralmente os que têm contato direto com o cliente. E a partir desta identificação direcioná-los à excelência.

O objetivo é definir como tornar esses processos cada vez melhores e mais focados em atender às necessidades do consumidor. Bem como criar novos processos que facilitem o caminho para alcançar as metas.

Perspectiva de aprendizado e crescimento

A quarta perspectiva da metodologia BSC trabalha o desenvolvimento do aprendizado e conhecimento da empresa. Ou seja, deve definir um plano estratégico com foco em tornar a empresa mais capaz e competente em suas ações.

Aqui entram projetos como capacitar a equipe em uma língua estrangeira, por exemplo, questões motivacionais, alinhamento de objetivos e estratégias da empresa e melhoria o clima organizacional.

Como aplicar o Balanced Scorecard na sua empresa

A metodologia requer a definição de alguns pontos estratégicos e, acima de tudo o compartilhamento com todos os colaboradores da empresa. A seguir, separamos alguns passos essenciais para que o BSC na empresa ocorra de forma eficiente.

Definir plano estratégico

Entendendo como cada uma das perspectivas influi no seu negócio, é preciso definir para cada uma delas:

  • Objetivos: o que a empresa deseja alcançar dentro daquela perspectiva estratégica;
  • Indicadores: quais índices de desempenho vão nortear os resultados da empresa em objetivo definido;
  • Metas: qual o nível de desempenho que se espera atingir;
  • Projetos estratégicos: quais são as ações, iniciativas e intervenções que devem aplicadas para atingir as metas determinadas.

Traduzir a visão e estratégia

Para seguir a busca por resultados a longo prazo, a empresa deve estabelecer uma harmonia entre a sua visão e o plano estratégico criado. E traduzi-la, de forma clara, para os colaboradores da empresa, em todos os níveis.

Comunicar e vincular 

O que faz o BSC funcionar plenamente é o engajamento e a compreensão dos colaboradores em relação ao plano estratégico.  

Portanto, é fundamental comunicar tanto de forma horizontal quanto vertical, quais são os objetivos organizacionais e individuais para que eles se integrem de forma mais efetiva. 

Para isso, além da comunicação clara e assertiva, vale estabelecer metas e vincular recompensas aos indicadores de desempenho.

Planejar e fixar objetivos

Outro ponto fundamental para a metodologia BSC é alinhar as ações propostas aos recursos disponíveis pela empresa. Alocar adequadamente os recursos e estabelecer pontos de controle é parte vital no processo de planejamento e da execução. 

Oferecer feedback 

O aprimoramento constante de cada colaborador é uma questão importante para o processo funcionar. Por isso, oferecer um retorno à equipe e ouvir o que ela tem a dizer deve ser um comportamento recorrente dentro da empresa. Dessa forma, a revisão e melhoria da estratégia, assim como aprendizado se tornam alcançáveis.

Passo a passo para construir um mapa estratégico BSC

Depois decupar cada etapa da análise das perspectivas, o Balanced Scorecard segue para o nível operacional.

E para que os projetos estratégicos possam ser traduzir em ações práticas é necessário que os colaboradores compreendam, claramente, quais passos devem seguir para alcançar as metas estabelecidas.

Para facilitar este entendimento, a metodologia recomenda fazer um resumo das estratégias definidas, criando um Mapa Estratégico do BSC.

Para montar esse quadro, siga as orientações a seguir:

  1. Divida o mapa em 5 linhas e 4 colunas;
  2. Na primeira linha, escreve, nesta ordem: objetivos, metas, indicadores e iniciativas (um item em cada coluna);
  3. Na primeira coluna (objetivos), escreva as 4 perspectivas do BSC, uma em cada linha, com seus respectivos objetivos, de forma resumida. A ordem deve ser perspectiva financeira, do mercado, de processos internos e de aprendizado;
  4. Em seguida, escreva quais são as metas, indicadores e iniciativas estratégicas para cada uma das perspectivas.

Uma outra forma de montar o mapa estratégico BSC é construir uma espécie de fluxograma. Para este modelo, o mapa deve ser dividido em 4 faixas, cada uma referente a uma perspectivas, seguindo a mesma ordem do exemplo anterior (perspectiva financeira, do mercado, de processos internos e de aprendizado.

Em seguida, deve-se colocar em cada faixa, caixas individuais com os objetivos de cada uma das perspectivas.

O mapa representado desta forma demonstra a relação de causa e efeito entre os objetivos de cada perspectiva.

O BSC pode ser utilizado por empresas de diferentes segmentos e tamanhos, sendo uma metodologia flexível e adaptável a distintos mercados.

É um conceito estratégico que visa mudar o rumo da empresa, guiando o caminho pelos seus objetivos e metas a longo prazo. E garantindo que o negócio não fique estagnado sem visão de futuro.

Ficou alguma dúvida sobre o que é o Balanced Score Card ou como implementá-lo na empresa? Deixe seu comentário no campo abaixo que iremos ajudá-lo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.